4. O Hajj e sua sabedoria

June 22, 2013 in A Última Religião Divina ISLAM

O Hajj é uma modalidade de adoração que os muçulmanos necessitam ter certos requisitos físicos e financeiros para poder realizar a visita a Kaaba em Meca durante certos dias, em uma época especifica e realizar rituais específicos. As pessoas realização muita adoração, súplicas e relembram Allah durante o Hajj. Eles relembram Allah em cada um de seus passos e o estabelecem, o amor Dele em seus corações. Eles também adquirem características positivas como a humildade, o senso de ajuda ao próximo, a paciência, a submissão, a abnegação, a sinceridade, a disciplina com o tempo e com as ações, a preparação para a morte e para o Dia do Julgamento Final, a mansidão e senso de não prejudicar nada, nem mesmo, uma planta ou animal e resguardar-se dos pensamentos negativos sobre qualquer assunto. Isto é porque o Hajj, exteriormente gira em torno de determinados símbolos  que de fato consistem em ações diferentes em lugares diferentes que implicam em várias praticas espirituais. Todos são beneficiados em cada um de seus múltiplos aspectos.

O Hajj redireciona completamente a pessoa no propósito de uma vida espiritual. Isto porque esta sensível modalidade de adoração é preenchida com manifestações de compaixão, misericórdia e amor como a abstinência da caça, nem mesmo para matar uma mosca, para não arrancar nem mesmo uma folha verde de um ramo e não ferir a criação de Allah.

Os muçulmanos que participam do Hajj firmam uma unidade espiritual por se reunirem no mesmo tempo e espaço. Conceitos como país, raça, cor e vestimenta desaparecem sendo substituídos pela fraternidade islâmica. Lá o presidente de conselho e o trabalhador de base, o rico e o pobre, o versado nas ciências e o iletrado, o governante e o súdito estão todos juntos, todos com as mesmas roupas, na mesma praça e na mesma linha.os muçulmanos ouvem uns aos outros, seus problemas e dificuldades e enviam mensagens para seus irmãos que estão longe.[1]

Quando olhamos para as modalidades de adoração que nós abordamos de maneira breve, vemos que o Islam é um estilo de vida completo. Não é uma atividade religiosa para um dia determinado da semana. Abrange todos os aspectos da vida desde o nascimento até a morte, e para além desta vida. O muçulmano convertido e docente da York University de Toronto, professor Timothy Gianotti disse: “Quando eu escolhi o Islam, eu entendi que esta religião pretendia transformar toda a terra num local para adoração. Isto é, para colocar de lado questões mundanas diárias não há necessidade de se estar em um mosteiro. Por exemplo, o ritual da oração é o mais fácil e prático modo para relembrar Allah a todo o momento.” (Ahmet Boken – Ayhan Eryiğit, Yeni Hayatlar (New Lives), I, 15-16)



[1].      Para mais detalhes sobre esta modalidade de adoração ver: http://www.islamicpublishings.net/images/book/ingilizce/islamimanibadet_ing.pdf.